Relato de Lineimar

Recebi carinhosamente  de Lineimar Martins seu incrível relato de parto (cesárea):

“Desde o início da minha gravidez, meu médico me preveniu que eu faria uma cesariana . Diagnóstico implacável: placenta prévia. Desde o terceiro mês, bye bye emprego, bye bye  caminhadas, fiquei deitada durante seis meses. No início foi um choque, mas logo me adaptei a uma  agradável rotina de leitura, filmes, música e providenciais sonecas a qualquer hora do dia.

Na 33ª semana tive uma pequena hemorragia. Meu médico me hospitalizou, ali eu não pude me levantar para absolutamente nada. Uma semana depois fui liberada com sérias restrições de não me levantar nem para ir ao banheiro.  Alguns dias depois de voltar para casa não resisti e me levantei para tomar um banho. A hemorragia foi então mais grave. Meu médico me mandou voltar para o hospital dizendo que seria muito arriscado tentar segurar o bebê por mais tempo, ele faria a cezariana naquela noite. Estávamos na 35ª semana.

Lineimar e barrigón

Eu e meu marido fomos para o hospital relativamente calmos. Chegando lá, nos separaram. Ele teve que ir preencher papéis e eu fui diretamente para o pré-operatório. O tempo inteiro olhava para a porta esperando ver o meu chéri mas somente depois do parto soube que ele tinha sido proibido de assistir ao parto devido ao risco de ver nosso filho nascer roxinho ou com problemas mais sérios. Eu, até o último momento, estava completamente insconsciente dos riscos reais daquela situação.

Recebi todo o tratamento pré-operatório, fui para a sala de operações e imediatamente anestesiada. Meu filho nasceu muito rapidamente, em aproximadamente dez minutos. Os médicos não se dirigiram a mim, conversavam entre eles. Felizmente a anestesista era uma mulher e narrou os principais momentos já que uma cortina me impedia de ver o que estava acontecendo. « Eles estão tirando… olha … já nasceu ». Silêncio. Não houve choro. Levaram meu bebê para outra sala, eles queriam verificar se ele estava bem antes de o trazerem para mim. Alguns minutos mais tarde, não saberia dizer quantos, o pediatra trouxe meu filho: « Parabéns, você é mãe de um bebê saudável de 2.500kg e 46cm ». Como meus braços estavam amarrados para a anestesia e a recepção de morfina, não pude segurá-lo, consegui somente encostar minha cabeça no corpinho dele e dar um beijo « roubado ». Levaram-no para a encubadeira. Ele estava completamente formado porém tinha o « amarelão ».

Quatro horas mais tarde a cesárea terminou. Meu marido pôde entrar no quarto : « Eu vi nosso bebê, ele é muito lindo ! » Me deu um beijo e teve que sair pois eu havia perdido muito sangue. Fiquei cinco horas esperando passar a anestesia e somente então fui levada para o quarto onde reencontrei enfim meu marido.

Dormi. No dia seguinte queria ver meu filho. O médico me desaconselhou  porque eu estava anêmica e muito fraca. Eu insisti, me levantei e desmaiei. Voltei para a cama, forçada. Fiquei meio histérica pedindo comida às enfermeiras, queria me alimentar, recuperar forças para poder ver enfim meu bebê. Pude vê-lo somente dois dias depois de seu nascimento. Mas tudo valeu a pena : quanta emoção ! quanto amor ! quanta felicidade ver esse serzinho lindo recém-saído de mim !

Ficamos uma semana no hospital. Eu descia até o berçário a cada três horas para amamentá-lo. No final desta semana fomos para nossa casa onde seu quartinho o esperava.

O mais cômico disso tudo foi quando alguém me perguntou : « Correu tudo bem ? » E eu respondi: « Ah sim, foi tudo ótimo ! » Resposta sincera pois depois de pegar meu bebê nos meus braços, todo aquele drama já era história do passado…”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s