Desfile + Shibari

Fui apresentada à Nathália Torre  por uma amiga em comum, conversamos por e-mail e estava combinado, eu iria fazer algumas fotos do seu desfile.

Ela é estudante de moda da UNIRP e apresentaria seu desfile com o tema “Shibari”  coleção ”Nós em Nós”.

Com a Palavra, Nathalia Volpe:

Shibari significa em japonês “amarrar”, “atar”, “prender”.

Em busca dessa refinada estética, desenvolvi uma coleção focada nas mulheres, “dominadoras contemporâneas”, vanguardistas, que desejam valorizar o corpo feminino, suas formas e curvas com uma “roupa-efeito”, que brinca entre o fetiche e a feminilidade, entrelaçando o corpo, a alma, o desejo, tecendo-os numa só composição; que se faz única, individual, original. Busco a lembrança do Shibari em que, ainda que o corpo ou os nós sejam sempre os mesmos, ao deslizar do corpo eles carregam consigo a identidade dessa mulher. As cordas traçam um desenho no corpo, transformando-o em uma obra de arte, contemplando a beleza de quem as veste.

Croqui da coleção, por Nathalia Volpe

A Nathalia, além de super talentosa, ainda é simpática, descolada e mega pra cima, mesmo com tudo em cima da hora, com a maquiagem branca dando trabalho, o desfile ficou lindo.Parabéns amiga.Aproveitem as fotos:

07-12-08_051

Estamos combinando também de fazer um ensaio com o tema do desfile, que sairá este mês, aguardem..vai ser lindo!

Abraços!!!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Desfile + Shibari

  1. Nath,

    esse desfile, pelo jeito, foi lindo! Gostei da proposta da criadora, e, ainda mais, do orientalismo que embasou a coleção. Concordo com o Áureo, quanto a foto em que ele comentou. Os braços abertos, sem fugir do clichê, dão a idéia de liberdade. E a dualidade claro/escuro que envolve a modelo dão, parece-me, a sensação de que esta liberdade quer e necessita de que os paradoxos, que fazem sim parte de todo ser humano, mas que, pela maioria, é renegado por conta de certos convencionalismos impostos por aqueles que se acham ‘bons’, sejam encarados com mais naturalidade. Isso, quem sabe, quebraria com as grades que aprisionam nós nessa cela chamada de mundo.

    Uma pena que eu não pude ir com você.

    Beijos, querida.

  2. Nossa mulher, você realmente tem o dom da palavra, conseguiu colocar os sentimentos da imagem em palavras!
    Incrível mesmo.

    E sim, realmente tem uma ar de liberdade nesta foto, que mesmo que o tema sejam as “amarras” a idéia é a força dos nós e não o aprisionamento.

    E com certeza, vc devia ter ido comigo 😉
    Mas tudo bem, teremos outras oportunidades.

    Beijaaaaaaaaaaao

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s