I don´t wanna to stay here..I want to come back to Bahia

A Lucélia é uma amiga que surgiu do nada e veio pra ficar. Ela chegou toda quietinha, e por mais que eu já a conhecesse antes, a amizade ainda não tinha engatado. Aí ela engravidou, e como todas as mulheres que já engravidaram sabem, não é fácil, mesmo. Ficamos um pouco de lado pelo mundo que antes nos dava toda a atenção, e nos juntamos, como se fosse uma matilha, mas só com lobas, formando um lugar confortável e protegido, onde várias coisas acontecem de novo, mesmo quando você já passou por aquele caminho.
Tudo fica diferente e misterioso, assim como o nosso humor, o nosso corpo e a nossa mente. Tanta coisa.

Ela é toda serelepe, nascida e criada na Bahia, de preguiça, ela não tem nada. Adora fazer bagunça, dançar, beber e fazer beiju (é assim que ela fala). Dá um trabalho!
Já morou com índios, em comunidade alternativa e é formada em enfermagem, mas o maior desafio dos últimos tempos tem sido cozinhar para alguém que não come nada de carne. O Lumbriga, seu marido, aquele verme, 🙂 .

A Lucélia passa uma energia totalmente em ebulição, ela está recebendo e fazendo mexer, se é que você me entende.
De primeira, você acha que ela é brava, mas quando ela começa a falar de dar maçãs a duendes e começa a dar aquele sorriso gostoso, toda a faixada cai e você vê o quanto aquele sotaque bahiano é lindo.

Agora,ela está (plena) em pleno 9º mês, só esperando a Iara nascer. Momento difícil…ainda mais porque é o primeiro filho deles. A ansiedade de ver o rostinho, de imaginar como que é um parto, e o que acontece depois. Eu me lembro.
Mas daqui a pouco passa…e a única falta que você vai sentir da gravidez, era de poder dormir, dormir, dormir…

Te adoro índia da Bahia!
Aqui vão algumas fotos do chá de bebê da Iara:

Anúncios

3 pensamentos sobre “I don´t wanna to stay here..I want to come back to Bahia

  1. O que posso dizer é que meus olhos por alguns instantes virou um rio desaguando no mar de emoção, em ser irmã da Nathalie Gingold, (adoro o nome completo dela), obrigado por me ensinar tanto a arte de viver e de trocar a vida.
    Lucélia

  2. Somehow i missed the point. Probably lost in translation 🙂 Anyway … nice blog to visit.

    cheers, Pert!!!

  3. Hi Pert, probably the translation was half maded…But, the language of the images..is universal..
    (sorry about the errors…”my english too bad” 😀 )

    Bye! And Thanks!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s